15 de agosto de 2014

Crave the Night de Lara Adrian

Nascido e criado para ser uma máquina assassina sem sentimentos, Nathan é um dos mais letais vampiros da Raça em existência. Um membro chave da Ordem – um grupo de elite de guerreiros encarregados de proteger mortais e vampiros – Nathan executa cada missão com infalível precisão e uma total falta de misericórdia.  Agora ele deve perseguir um inimigo poderoso e escondido. Mas o duro treinamento e disciplina de Nathan não são páreos para a poderosa atração que sente por uma jovem mulher que ele não tem direito de desejar – uma mulher rica e de alta posição social que já está prometida a outro homem da Raça há tempos, e que vai provar ser a chave para encontrar a elusiva presa que Nathan procura.

Jordana vive uma vida de brilho e privilégios como membro de uma proeminente família da Raça em Boston. Cercada por coisas finas e muitos admiradores, Jordana não passa necessidades – até cruzar o caminho com o sombrio e intenso guerreiro da Ordem e se ver tragada por um beijo impulsivo e quente que nenhum dos dois consegue esquecer. Por mais que tente negar seus profundos sentimentos por Nathan, Jordana não consegue resistir ao desejo de estar perto dele, de quebrar as paredes proibitivas ao redor dele e ver o homem que ele realmente é. Mas se aproximar de Nathan jogará Jordana em um traiçoeiro mundo novo, forçando-a a arriscar tudo o que tem e que sabe sobre si mesma e seu passado. E amar esse homem sedutor pode ser a tentação mais perigosa de todas.

Midnight Breed # 12


Essa série já está no 12º livro e ainda tem muito fôlego pela frente! Sinceramente, quando no livro passado (Edge of Dawn) vi que haveria um pulo no tempo de 20 anos, fiquei imaginando se ainda gostaria ou não de continuar acompanhando as aventuras da Ordem e da Raça, mas vi que Lara ainda consegue manter o ritmo e que essa nova geração é muito interessante também.

Falando no livro passado, Nathan e Jordana se conhecem e trocam o beijo de que trata o resumo bem nele! E é um beijo que Jordana dá em Nathan e o pega de surpresa e o faz ficar imaginando coisas que ele não deveria imaginar. E só em pensar na jovem Breedmate o faz ficar distraído e isso é muito perigoso em sua linha de trabalho. E, procurar Cassian Grey, o novo dono do La Notte, já vem dando trabalho demais para o grupo de Nathan, sem contar com problemas sentimentais para atrapalhar...

Cassian está sendo procurado por ser a chave para entender o novo inimigo da Ordem. Mas não é só a Ordem quem o está procurando. Soldados da própria raça dele também estão atrás dele por traição! Mas vamos descobrindo que ele tem muito mais segredos do que imaginam nossos heróis. E são segredos que vão dar uma reviravolta total na história!

Jordana é uma breedmate que foi adotada por um vampiro muito rico e que sempre a tratou como princesa. Ela está para completar 25 anos e seu pai a está forçando a finalmente formalizar a relação com Elliot, um membro da Raça que ela conhece desde pequena e é considerado como seu futuro marido. Mas Jordana não consegue tirar Nathan da cabeça, principalmente depois do impulsivo beijo que ela deu nele num momento de loucura! E, com Carys, filha de Tavia e Chase, vindo morar com ela, a presença de Nathan fica ainda mais constante. E a atração entre eles não para de crescer e os dois se veem cada vez mais envolvidos e não conseguindo esconder o que sentem.

Achei o relacionamento de Nathan e Jordana um dos mais hot da série! Nathan, descrito como "máquina assassina sem sentimentos" definitivamente sabe muito bem como agradar uma mulher! E, mesmo se sentindo indigno de Jordana, ele não consegue se afastar... E Jordana não quer que ele se afaste mesmo! Mas há muitos problemas e situações tensas que podem atrapalhar o relacionamento deles.

Gostei muito do modo como Lara foi desenvolvendo a história e nos mostrando como Nathan e Jordana foram se envolvendo. E gostei também da nova trama que ela está construindo, pois é um foco de curiosidade enorme ver onde ela está conduzindo esse novo arco na série. Personagens como Rune (um membro da Raça que é lutador clandestino), Rafe (filho de Dante e Tess), Aric e Carys (gêmeos) e os outros novos guerreiros vão chamando a atenção e nos fazendo desejar mais livros e romances... E, claro que rever os antigos membros da Ordem não é nada mal.  E espero que a autora não nos decepcione e continue a produzir (muitas e muitas) obras com a qualidade de sempre!

10 de agosto de 2014

Look Again de Marliss Melton

 

Tyler Rexall nunca considerou ser nada além de um Navy SEAL. Mas uma missão-que-deu-errado terminou com sua carreira nas Equipes, deixando Tyler incapacitado, sua identidade própria apagada. Retornando a sua cidade natal de Louisa, Virginia, Tyler chafurda no desespero. Ele não faz ideia de que a jovem mulher que aparece em sua porta com um cachorro traz seu futuro nas palmas da mão.

A paixonite que Katie Crowley sempre sentiu pelo formidável "T-Rex" não diminuiu nadica na última década. Vê-lo derrotado e incapacitado só desperta sua determinação em ajudá-lo, mesmo quando ela está sendo aterrorizada por um homem desesperado e que está ficando cada vez mais audacioso.

Poderá Katie convencer um homem orgulhoso como Tyler a aceitar que um cão treinado pode mudar sua vida? Infelizmente ela poderá não ter chance ou  tempo para curá-lo como seu coração manda, não quando seu perseguidor voltar para um encontro final.

Echo Platoon # 0,5

 

Fazia tempo que não lia um livro da Marliss e matei logo a saudades lendo esse e o próximo dessa nova série.

Esse conto nos localiza na periferia do Echo Platton, pois como o resumo diz, Tyler foi ferido numa missão – uma explosão no telhado quando estavam invadindo o local indicado fez com que ele perdesse um pé – e, com isso, ele teve de abandonar sua equipe e retornar à sua cidade natal. Essa amputação o deixou amargo e completamente perdido já que a única carreira que ele sempre sonhou foi ser um SEAL, e ele era líder de um pelotão. Sem perspectiva de futuro, ele fica na casa de sua família sozinho (a mãe está na fase final do alzheimer e o pai foi para a casa de repouso com ela) e desesperado.

Katie vê Tyler uma tarde no mercado e percebe que ele está na pior e resolve fazer algo para ajudá-lo. Ela teve uma paixonite por ele durante o colegial, mas eles nunca estiveram na mesma turma, pois além de ele estar um ano na frente dela, ele era popular e capitão do time de futebol, enquanto ela era a nerd gordinha... Agora Katie tem sua própria empresa de treinamento de cães para ajudar pessoas necessitadas e vive muito bem, apesar dos percalços que teve na vida. E ela acho que é da força e companhia de um cão que Tyler precisa agora.

E é assim que Tyler vê a bela mulher que Katie se transformou, quando ela aparece na porta dele com Bronson, um blue heeler (boiadeiro australiano) muito inteligente e cativante. Claro que Tyler não está disposto a ter um cão, mas Katie o convence de que ele estará lhe prestando um favor ao cuidar do animalzinho. Claro que quando essa pequena traição for descoberta haverá problemas...

Katie é uma mulher muito segura de si, apesar de ter passado por situações bem terríveis e estar agora sendo perseguida por um homem misterioso que vem tentando invadir sua casa e a persegue na rua. O que eu achei mais interessante é que ela se abre com Tyler de forma direta e não se esconde dos fatos. E acho que isso é o que mais conquistou Tyler, pois ele pode se sentir útil ajudando Katie a enfrentar seus problemas.

Claro que Bronson, que foi batizado de Bronco por Tyler, por lembrar-lhe um dos companheiros das equipes, conquistou nosso herói e teve um papel bem importante no livro.

Uma história bem rapidinha e  gostosa!

22 de julho de 2014

Wyatt´s War de Myla Jackson

Depois de uma missão particularmente difícil na Somália, o Primeiro Sargento Wyatt  Magnus está preso a uma missão "leve" de proporcionar segurança anti-terrorista para os delegados da Convenção Comercial Internacional de San Antonio.

Enquanto ele se prepara para o que espera ser uma tarefa fácil, ele descobre que tem um novo tipo de batalha em suas mãos na pessoa da diretora da Convenção, uma mulher baixinha e sexy e com um punho de ferro.

Sob pressão de trazer os dignitários estrangeiros para River Walk sem qualquer contratempo, Fiona Allen não tem tempo para pajear um grosso das Forças Especiais com complexo de superioridade. Mesmo que só de olhar para ele sua boca se encha de água.

Quando uma confusão do hotel os coloca no mesmo quarto, ela fica super nervosa à princípio. Depois ela deixa o desejo rolar. Mas mesmo quando ela garante que vai ser somente uma noite, há problemas surgindo fora de cena. O tipo de problema que traz vingança e detonador.

Hearts & Heroes # 1

 

Waytt está se recuperando de sua última missão, onde foi capturado e torturado pelos guerrilheiros somalis. Resgatado quase morto, ele agora está afastado do serviço ativo até que seu comandante o considere apto. Só que antes disso, seu Comandante vai fazer ele ser o especialista em segurança de uma Convenção Comercial Internacional – mesmo contra sua vontade.

Para Fiona, a Convenção Internacional é a chance de levar sua empresa de eventos a um nível internacional! Para isso, tudo tem de sair perfeito. Só que agora, o Departamento de Segurança resolveu mandar um "especialista" de última hora e ela não tem tempo nem vontade de pajear um burocrata. Mal sabe ela que o sujeito insuportável – e lindo e gostosão – que o hotel resolveu colocar no mesmo quarto que ela, devido a um problema com o novo sistema – e o "burocrata" são a mesma pessoa!

É bem interessante ver esse desencontro inicial entre Wyatt e Fiona -  e as faíscas que saem devido à intensa atração sexual que um sente pelo outro já ao se conhecerem! Ainda bem que Wyatt traz ideias e sugestões bem válidas para a segurança e o trabalho dos dois corre super bem – e isso começa a refletir na atração mútua. Mas mesmo com todos os cuidados e controles, um perigo ronda a Convenção e Wyatt e Fiona vão precisar de toda a concentração e inteligência para vencer os inimigos!

O livro é super hot e a história tem um ritmo bem corrido e o suspense é na medida certa. Um bom início de série!

16 de julho de 2014

Wolf in Her Bed de N.J. Walters

Anny Conrad é uma bibliotecária solteira de 30 anos – e, para completar o clichê tem dois gatos. Arrastada até o bar local, ela está repensando sobre seus planos de vida tomando uns drinks quando um homem se aproxima e a convida para dançar. E que homem! Alto, rude e mais do que indomável. Antes que ela perceba está nos braços dele e jogando a cautela ao vento.

Com uma guerra entre clãs em pleno jogo, a última coisa que Armand LaForge precisa é de uma mulher em sua vida, muito menos uma humana. Mas uma coisa é certa, ele encontrou sua companheira, a única mulher no mundo para ele.

O melhor que ele pode fazer é dar a ela todo o sexo que ela quiser e depois deixá-la sozinha. Mas quando a manhã chega, o destino ainda não tinha acabado de ferrar com eles. Anny é confrontada com o fato de que os mitos nos livros de sua biblioteca são reais... e agora ela é um deles.

Salvation Pack #2

Jacque, Louis, Armand, Gator e Cole decidiram abandonar o antigo clã, cujo alfa é pai de Jacque e Louis e tio de Armand, pois não concordavam com as tradições e modos violentos do grupo. Eles se estabeleceram em Salvation, na Carolina do Norte e começaram vida nova. Mas Pierre LaForge, o antigo alfa, não aceita a defecção deles e está fazendo de tudo para atrapalhar e punir aqueles que considera traidores. E é por isso que há um clima de guerra no ar e uma insegurança que não permite que os rapazes baixem a guarda.

E é bem nesse clima instável que Armand encontra sua companheira – a mulher certa para ele. Anny está comemorando seu aniversário de 30 anos, juntamente com sua melhor amiga, Sue, em um bar, quando um desconhecido a tira para dançar. Um homem com o rosto marcado por cicatrizes, mas absolutamente lindo e viril. Quando ele começa a conversar com ela, ela nota o sotaque e logo percebe que ele deve ser um dos misteriosos homens que compraram terras nas cercanias da cidade e só raramente interagem com o povo local. A atração entre eles é instantânea e poderosa. Armand sabe que isso é devido a eles estarem destinados um ao outro, mas para Anny é algo totalmente inexplicável.

Armand tenta ficar afastado de Anny por causa da guerra entre os clãs, pois possivelmente há espiões observando a ele e seus amigos. Mas ele não consegue ficar distante e a procura e eles passam uma noite tórrida de paixão. Mas na manhã seguinte ele parte e sai da vida dela definitivamente... Ou pelo menos é isso que ele pensa.

Anny tenta entender porque Armand não a procura e sofre com a distância. (Claro que ele também não está nada bem, mas é teimoso...). E, bem quando ela decide reformar toda sua vida, ela descobre que lobisomens existem – e da pior forma possível: é atacada por um! Deixada para morrer, ela é salva e passa pela terrível transformação – sozinha! Vemos que Armand ficar afastado não foi efetivo, pois além de se privarem um do outro, Anny teve de enfrentar situações terríveis sem apoio e sem entender...  Agora Armand e Anny vão precisar se aproximar e lutar juntos – e com os demais membros do clã – para conseguir superar a desconfiança, entender o que sentem um pelo outro  e enfrentar os inimigos comuns.

Gosto muito do modo como Walters vai nos conduzindo pelo livro, pois além dos nossos heróis, vemos também a movimentação dos inimigos. E essa nova série está fantástica, com lobos maravilhosos e mulheres fortes e independentes que acabam se apaixonando por eles.

6 de julho de 2014

The Logan Twins–Dueto–Marion Lennox e Alison Roberts

Irmãos gêmeos, Ben e Jake Logan, se tornaram bem sucedidos em suas carreiras, embora ainda consigam se meter em encrencas juntos. Dessa vez é quando estão navegando pela costa da Nova Zelândia e uma massiva tempestade os atinge, despedaçando o barco onde estão...

Mas os Irmãos Logan não são facilmente derrotados. E, quando se encontram em praias distintas, nenhum deles sabe como a tempestade – e as fortes, irresistíveis mulheres que conhecem através dela – vão mudar a vida deles para sempre!

                

                     Junho / 2014                                                                         Julho / 2014

Ben e Jake sempre foram conhecidos como os "aqueles selvagens Logans", pois estavam sempre aprontando para chamar a atenção do pai – um magnata do mundo financeiro que era terrível bully. Eles sempre estavam juntos,  até mesmo quando resolveram entrar para o exército, lutando no Afeganistão. Só se separaram quando, finalmente, escolheram a carreira que queriam:  Ben assumiu o lugar do pai à frente do grande conglomerado financeiro, enquanto Jake partiu para o mundo do cinema, onde se tornou um astro super requisitado e famoso.

Mas, como nada é perfeito, eles resolveram partir para uma competição de iates e a sorte parece abandoná-los, quando um ciclone muda inesperadamente de rota e atinge os barcos provocando naufrágios e mortes. Ben e Jake acabam num bote salva vidas, onde um helicóptero de regaste os encontra, mas só pode levar um deles, pois a lotação está completa... E é assim que os irmãos acabam separados e, sem saber se o outro está vivo, acabam conhecendo as mulheres que vão transformar a vida deles!

Jake é o resgatado pelo helicóptero, enquanto Ben acaba sendo atirado em uma ilha. Lá  ele conhece Mary, uma enfermeira que  está passando uma temporada na ilha dos amigos, se escondendo de problemas particulares e profissionais.

Mary é uma mulher forte, decidida e determinada. Ela e seu cachorro estão escondidos numa caverna para fugir da tempestade. Ao ver Ben caído na praia, não tem dúvidas: consegue ajudá-lo a se locomover até a caverna (ele estava com o joelho deslocado), onde ficam abrigados até o ciclone finalmente passar. Claro que, sozinhos e numa situação de total impotência frente à fúria da natureza, os dois se voltam um para o outro e se entregam a paixão.

Ben é um homem prático! Ele sente uma profunda gratidão por Mary tê-lo salvado e, então, ele resolve ajudá-la a resolver o problema profissional que a afligia. Claro que ele consegue fazer com que ela seja readmitida.  Apesar de viver pensando nela, não esperava que ela saísse da Nova Zelândia para encontrá-lo em Nova York. Mas Mary se sente na obrigação de avisá-lo de que será pai... 

A partir daí, a história fica entre a luta de sentimentos dentro de Ben, pois como o casamento dos pais foi algo super trágico e sem sentimentos, ele teme cair no mesmo esquema: trabalhar demais e deixar a mulher e os filhos de lado! Mary não tem esse problema: ela mostra e diz tudo o que sente, sem temer o futuro... Ver os dois juntos é lindo demais!

Ao mesmo tempo (só que em outro livro) vemos como Jake enfrentou a tempestade juntamente com Ellie, a paramédica que o tirou do bote salva-vidas. Como o helicóptero estava com a carga máxima, e Ellie reconheceu a ilha onde o avô cuidava do farol e onde ela passava as férias, ela pede para o piloto deixar a ela e Jake na praia, pois sabe que há uma casa super segura e protegida dos elementos onde eles podem se abrigar até o ciclone passar.

Jake vê que Ellie não o reconhece como ator super famoso e não conta a ela quem é. Os dois começam a se abrir um com o outro e ainda conseguem  salvar um ovo de kiwi (pássaro símbolo da Nova Zelândia e que está em extinção). Mas ao serem resgatados e Ellie descobrir o quanto Jake escondeu dela, ela se sente traída e ferida.

Nessa história vemos Jake sendo bem mais aberto aos sentimentos do que Ellie, pois ela sofreu uma enorme traição no passado e tem dificuldades em confiar nas pessoas e em seus sentimentos. Não ajuda em nada o fato de Jake ser ator e estar trabalhando em um filme que está sendo gravado no país. Como ela poderá saber diferenciar o ator do homem? Como confiar em uma pessoa que finge como profissão?

Achei interessante ver que, apesar de gêmeos, Ben e Jake tem posturas bem diferentes em relação à vida e relacionamentos e sentimentos. E acho que as duas escritoras conseguiram trazer à vida essas características e personalidade de forma bem profunda.  Um dueto bem escrito e cativante.

30 de junho de 2014

When Day Breaks de Maya Banks

Dizem que Eden é uma das mulheres mais belas do mundo. Seu rosto aparece em incontáveis revistas e seu corpo vende milhões de dólares em vestimentas. Mas sua fama e beleza lhe trouxeram mais do que o imaginado. O mau a está perseguindo, determinado a destruir sua beleza para sempre.

Swamson ou "Swanny", como seus companheiros de equipe o chamam, está sempre pronto para a próxima missão. Ele voltou do Afeganistão ferido e cheio de cicatrizes. Dificilmente o tipo de homem que deveria ficar na mesma sala que Eden. E ainda assim, há algo sobre a quieta bela que aquece  seu sangue  e o faz sonhar com o impossível. Porque Bela amando a Fera acontece só em contos de fadas e o KGI não lida com contos de fadas. Nunca.

KGI # 9

Swanny apareceu como personagem secundário no quarto livro da série. Ele foi capturado e torturado juntamente com Nathan Kelly. E depois ele se viu cada vez mais envolvido com as missões do KGI e acabou até "adotado" por Marlene Kelly, a mãezona. Ele tem um lado do rosto cortado por uma cicatriz. E não só o rosto, mas todo o corpo traz as marcas da tortura e do inferno pelo qual passou e sobreviveu.

Eden Sinclair é uma modelo super famosa. Linda e bem sucedida, ela foi escolhida para representar uma nova marca e, por isso, tem de ir a Paris filmar um comercial e fazer aparições em festas e jantares. Só que a vida dela está em perigo, pois o passado de seu pai está chegando para cobrar uma dívida – e ela é quem vai ter de pagar...

A família de Eden é formada por militares e policiais. O pai é um ex-especial ops e um de seus irmãos – Ryker – serviu com Nathan, Joe e Swanny. Raid, o irmão mais velho é policial. Há um segredo terrível  no passado do pai deles e agora esse segredo está gerando uma grande ameaça à vida de Eden. E é por isso que Ryker resolve chamar o KGI para proteger a modelo. E, como Joe deve sua vida a Ryker, sua equipe parte imediatamente para a missão.

Swanny sempre gostou muito de Eden, desde antes de a conhecê-la, pois Ryker sempre dividia as cartas e fotos da irmã com os companheiros. Ele está inseguro em encontrá-la por causa de sua cicatrizes. Mas desde o momento em que Eden entra na sala onde está a equipe, ela só tem olhos para Swanny!

E Eden é uma das melhores heroínas que já vi, pois não tem medo de lutar pelo que quer – e ela quer Swanny. E ela deixa bem claro para ele que está atraída e quer muito mais dele. E isso é ótimo, pois Swanny jamais teria coragem de se aproximar dela... E, no meio de todo o perigo e de toda a viagem e filmagem do comercial, os dois vão se conhecendo e se apaixonando.

Como sempre na série, o suspense vai num crescendo e vamos acompanhando o desenrolar da trama com nervosismo e apreensão. Claro que não falta muita sensualidade e romantismo também.

Eu achei que Maya caprichou bem mais nesse livro, pois não teve as repetições irritantes do anterior, apesar de a insegurança de Swanny estar sempre presente. Mas ele tinha motivos para essa insegurança. Eden me conquistou completamente com seu jeito honesto e direto, pois ela não tem medo de se mostrar e de enfrentar os obstáculos. Um livro delicioso! Daqueles que você não consegue largar até chegar ao THE END.

21 de junho de 2014

Em meus pensamentos de Bella Andre

 

Quantos de nós podemos contar com uma segunda chance?

Grayson Tyler enfrentou uma tragédia três anos atrás. Agora, ele está recomeçando sua vida nas montanhas da Califórnia. Talvez a paisagem calma, com céu azul, mar e montanhas, o ajude a se esquecer do passado infeliz. Nesse refúgio, ele também deseja ser esquecido por todos que o fizeram sofrer.


A tranquilidade vai embora para sempre no dia em que a energia vibrante de Lori Sullivan invade a sua vida. Uma bailarina tão linda quanto impertinente, que não costuma levar desaforo para casa e não está nem um pouco interessada em agradar. O magnetismo entre os dois promete tirar, literalmente, o sossego de Grayson, mas o fazendeiro solitário não está disposto a baixar a guarda. Ele não vai deixar essa novata virar sua vida de cabeça para baixo.

Os Sullivans # 8

Lori sempre foi a impulsiva dos Sullivans e no começo do livro não é diferente. Depois de pegar seu namorado, Victor, a traindo, Lori abandona repentinamente seu espetáculo em Chicago e volta para São Francisco. Mas, ao invés de ir direto para casa e enfrentar sua família, ela decide alugar um carro e sair sem destino. Quer dizer, sem destino, não, pois pede conselho à moça da locadora que a aconselha a ir Pescadero.

A cidade de Pescadero deve ser maravilhosa, pois é cercada por fazendas que tem o mar como fundo! E é vendo um anúncio de que um fazendeiro está procurando por um ajudante que faz com que Lori decida que é isso que ela vai fazer – ser fazendeira! E é assim que Lori entra na vida do quieto e rabugento Grayson...

Grayson é um homem da cidade – Nova York – que abandonou tudo depois da morte da esposa e decidiu se isolar numa fazenda no outro lado do país. Por três anos ele cuidou da terra e dos animais e viveu na paz que tanto desejava. Só que a chegada do furacão Lori faz com que a vida dele se transforme totalmente!

É lindo ver como a atração surge forte entre ambos desde o primeiro momento! Mas os dois são teimosos e fazem de tudo para não se entregarem a esses sentimentos. E, com o decorrer dos dias, mesmo a rabugice de Grayson vai sendo domada pela teimosia e competência de Lori, que vai se envolvendo cada vez mais com os animais e com o serviço a ser feito!

Lori e Grayson são duas pessoas que foram feridas e sentem medo de amar de novo. Mas o amor não espera convite e vai entrando na vida das pessoas de qualquer forma. E é quando eles resolvem agir nesse sentimento que o livro fica ainda mais envolvente.

Eu, particularmente, acho Grayson um dos melhores heróis de Bella Andre. Mesmo rabugento e sendo ogro com Lori algumas vezes, ele consegue entender Lori de uma forma tão completa e acaba sendo um dos homens mais românticos da série.

E agora Andre vai partir para os Sullivans de Seattle! Espero continuar lendo a série pela Novo Conceito...